segunda-feira, junho 30, 2008

o meu mundo dentro do teu olhar

Olhas-me uma vez mais antes de ires.
E quando vais, imploro a todas as forças da natureza que me leves contigo.
Pega em mim, nas minhas coisas, no meu mundo e leva-me!!! Não interessa para onde, não quero saber como, mas leva-me... simplesmente... sem olhar para trás...

Olhas-me outra vez antes de ires... admiras-me, desejas-me, queres tocar-me mas não te aproximas e não me levas contigo...

Quero o meu mundo inteiro dentro do teu olhar! Não só a imagem que vês, que admiras, que desejas e da qual não te apoderas... quero que me olhes e me vejas realmente. Quero que encontres todos os teus espaços que construi para ti no meu mundo. Quero que te identifiques com ele, quero que entres, sem bater à porta, e te sintas confortavel.

Quero dar-te o que ainda tenho guardado, que é só teu e nunca será de mais ninguém!

Quero olhar-te, quero que me deixes ver-te realmente, quero encontrar o meu espaço no teu mundo... quero ter no meu olhar o teu mundo... inteiro...

3 comentários:

Anónimo disse...

Afunilaste o teu olhar e agora dificilmente ves o mundo que te rodeia, e quando esse olhar ja estiver cansado, com palpebras ja a quererem fechar-se de tanta fixação, então quando elas pestanejaram novamente talvez consigas ver um novo mundo e encontrares então o teu espaço nesse mundo....
beijos

Brama disse...

Meu Deus e todos os Apóstolos como ela está ... mais não digo (a queimadura na cervical diz o resto!)

Anónimo disse...

viver um amor distante não é nada fácil...